9 Vantagens em ser um Advogado Correspondente

0
💡

Advogados Correspondentes

Por Tiago Vieira, Redator do Juris Correspondente

Você sabe quem é e o que faz um advogado correspondente? Também conhecido como audiencista ou advogado de apoio, ele atende a diligências que lhe foi repassada por outro profissional ou escritório de advocacia, geralmente em outra comarca. Em outras palavras: quando um escritório de advocacia, ou mesmo um único advogado, precisa realizar uma diligência em outra cidade, ele pode optar por contratar alguém que atende nesta localidade ao invés de enviar um de seus próprios profissionais para lá.

E quais as vantagens deste modelo para o advogado correspondente? Muitas! Desde networking até uma oportunidade de ganhar uma renda extra, a advocacia correspondente pode realmente ser um grande auxílio para o profissional jurídico. Vamos detalhar nove delas logo abaixo:

1 – Oportunidade de renda extra

Você já possui um emprego fixo, mas quer ganhar uma renda extra? Realizando serviços como correspondente você poderá complementar seus rendimentos e ganhar uma quantia extra, afora o seu salário usual. Caso ainda não esteja trabalhando, você terá a renda proveniente de sua atuação como correspondente, até garantir um emprego fixo.

2 – Rotina mais tranquila

Atuando como correspondente você pode organizar seus compromissos de acordo com as diligências recebidas, e ter os seus próprios horários de trabalho. Assim, não precisará ficar preso à rotina rígida e aos horários de um escritório comum ou de um emprego no serviço público, por exemplo.

3 – Serviços mais simples

Eventualmente, claro, você será convocado a realizar um serviço mais complexo, (como audiências, por exemplo) mas, em geral, sua rotina consistirá em trabalhos mais simples do que os de um escritório: obtenções de cópias e distribuições de cartas precatórios. Se você já trabalha, quer uma renda extra, mas não tem tempo de fazer muitos serviços complexos, está aí a solução.

4 – Networking

O networking é essencial para quem quer crescer na profissão. Por meio da advocacia correspondente, o advogado irá entrar em contato e trabalhará para outros profissionais de diferentes partes do país. Desta forma, poderá construir uma relação de confiança dentro do meio jurídico, o que poderá levar a outras e interessantes oportunidades profissionais no futuro. Além disso, caso seus contratantes apreciem seus serviços como correspondente é provável que você os fidelize neste tipo de serviço no futuro.

5 – Não é necessário lidar diretamente com o cliente

Advogados costumam lidar com todos os tipos de clientes, dos mais tranquilos aos mais incômodos. Na advocacia correspondente, você precisará atuar lidar apenas com pessoas que também são do meio jurídico, num contato que se dará principalmente via internet e/ou telefone.

6 – Recebe-se mais rapidamente

Muitos advogados recebem seus honorários apenas após encerrados os processos por completo. O advogado correspondente recebe logo que termina de realizar a diligência.

7 – Experiência prática no mercado de trabalho para o jovem profissional

A advocacia correspondente é uma excelente maneira do jovem advogado colocar em prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula, durante o curso de Direito. Assim, ele poderá garantir um ingresso mais qualificado e com maior experiência no mercado de trabalho, o que, claro, o levará a melhores oportunidades de emprego.

Você não precisa, porém, ser um advogado formado para atuar como correspondente: a partir do 7º período do curso, você poderá pleitear sua carteira da OAB de estagiário, a qual o permitirá atuar em alguns serviços jurídicos.

8 – Mesmo em tempos de crise, você poderá estar trabalhando

Em períodos de crise, não é difícil que alguns advogados sejam cortados do quadro de escritórios, para economizar custos, ou que concursos públicos se tornem mais escassos. Como correspondente, porém, você ainda poderá ser contratado para realizar serviços, se manter ativo e receber por isso mesmo que não esteja ligado a um emprego regular.

9 – Concilie o trabalho com outras tarefas

Que tal garantir sua renda mesmo enquanto estuda para concursos, para a faculdade ou a pós-graduação? A rotina mais flexível e os serviços mais simples da advocacia correspondente não interferirão tanto em seu horário de estudo e você conseguirá se dedicar a outras atividades também.

Interessou-se por ser correspondente?

Então faça seu cadastro no Juris Correspondente, o maior buscador de advogados correspondentes do país, e comece a oferecer seus serviços para profissionais de todo o Brasil. E se não gostar é só cancelar.