Aniversário de seis anos do blog Forense Contemporâneo

1
💡

Neste dia 24 de maio de 2011, o blog Forense Contemporâneo faz seis anos. Talvez eu já tenha dito antes: a palavra que primeiro me vem à mente quando tento avaliar a história do meu blog até agora é “aprendizado”, o aprendizado que por todos esses anos a atividade de “blogar” sobre direito pode proporcionar ao autor.

O desenvolvimento e difusão do uso das redes sociais mudou bastante as perspectivas sobre a atividade de manter um blog jurídico, embora permaneça a ideia de que é desaconselhável usar do valoroso espaço de publicação que detemos para simplesmente reproduzir notícias e textos na íntegra, chamando isto de alguma coisa que não seja “clipping” ou “compilação” (salvo opiniões diversas).

Talvez as mensagens curtas em redes sociais tenham representado o fim de grande número de blogs, porque tornou muito mais fácil e rápido compartilhar notícias e comentários sobre elas para um número maior de pessoas, e as “moedas” representadas por “seguidores” e “gosteis” talvez valham mais, para alguns, do que debates mais profundos no “antigo” espaço para comentários sob os posts de blogs. Aliás, em termos de espaço para publicar impressões pessoais, as redes sociais também são mais atrativas do que blogs.

Quão espetaculares não são os sistemas de notificação, tornando cada vez mais passiva a navegação na internet… Em outras palavras, fica cada vez mais fácil encontrar conteúdo sem precisar procurar por ele, pois ele é depositado no seu mural e você pode ao poucos moldar a forma como você é notificado e que tipo de informações te interessam, e ainda interagir por ali mesmo.

Por incrível que pareça, blogs jurídicos parecem estar se tornando meios tradicionais de publicação, além do fato de comportarem uma organização excelente de conteúdo, podem conter páginas estáticas para composição de certos tipos tópicos, informações, listas de links etc. e os posts vão se acumulando e formando um arquivo de enorme relevância.

Manter por seis anos um blog jurídico ensina que informação jurídica de qualidade não é simples de ser elaborada, devido especialmente à evolução e diversificação muito velozes do direito, o que aumenta muito o custo em dedicação, tempo e dinheiro (por exemplo, um livro jurídico – fonte importante de pesquisa – é uma realidade ainda muito luxuosa) de quem cria conteúdo jurídico.

Continuamos mesmo assim. O blog é o espaço mais precioso que um jurista pode ter na internet. Por esta razão, ainda acredito ser impossível conceber um jurista completamente conectado sem que este jurista possua um blog jurídico na web. Além disso, existem possibilidades ainda pouco exploradas nos blogs, como é o caso da “pré-publicação”, onde o autor pode publicar uma versão prévia de um texto e receber opiniões dos leitores antes de compor a versão definitiva, que pode vir a ser um texto publicado fora do blog (um artigo, um capítulo de livro etc.).

Como de costume, e com toda a sinceridade, agradeço aos leitores deste blog pelas visitas, comentários e e-mails!

Feliz Aniversário ao blog Forense Contemporâneo!

1 comentário

  1. Parabens pelo aniversario de um ano. Rogo aos Ceus que continue para sempre.. Gosto muito da forma clara, concisa como escreve, demonstra conhecimento juridico e seguranca naquilo que escreve… Gracas a seus artigos eu que vivo na cidade de New york (sou advogada) me mantenho atualizada.. Creia sempre que quero fazer algum trabalho uso seu site…. Parabens… att al betancourt

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here