Equilíbrio entre a auto-estima do advogado e os direitos do cliente

0
💡

Este assunto – ou seja, o do equilíbrio entre a auto-estima do advogado e os direitos do cliente – é um complemento ao que foi dito no texto “A idéia de ‘vencer a qualquer custo“.

É bom que o advogado se dedique em seu trabalho, visando a realização dos direitos de seu cliente, tendo em vista os princípios constitucionais vigentes no País. É certo que uma vitória processual também traz uma satisfação para o advogado, podendo reforçar a sua auto-estima. O que não pode acontecer é que o advogado tome o aumento de sua auto-estima como objetivo único de seu trabalho.

Proponho, portanto, uma reflexão sobre a questão do necessário equilíbrio entre a auto-estima do advogado e os direitos do cliente.

SHARE
Previous articleA idéia de “vencer a qualquer custo”
Next articleSemana da Pátria
Gustavo D'Andrea é advogado especializado em Direito Digital, mestre em Ciências (Psicologia) pela FFCLRP-USP e doutor em Ciências (Enfermagem Psiquiátrica) pela EERP-USP. Mantém o blog Forense Contemporâneo desde 2005 e criou a Forensepédia.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here