Luma: postagem coletiva contra a pedofilia

8
GD Star Rating
loading...

Contra a pedofiliaAlguns assuntos são indigestos. Pedofilia é um deles. Mas, como em muitas situações, alguém tem que encarar a realidade, inspirar um pouco de cânfora, e partir para a luta contra o que está errado em nossa sociedade. Os governos do mundo todo têm cada vez mais se dirigido a essa luta. Interessante foi a atitude de Luma (blog Luz de Luma), ao criar uma postagem coletiva contra a pedofilia e a favor da inocência (seu post para a postagem coletiva incluindo os participantes está aqui).

Luma disse que, assim que começou a falar do assunto em seu blog, recebeu visitas vindas de servidores da Polícia Federal-PF. Isso indicaria que os órgão públicos estão atentos aos movimentos da internet, onde a pedofilia parece encontrar mais meios de se difundir. Essa forma como notamos a atenção da PF, em certo sentido é boa. Mas pode ser preocupante. Explicando: evidentemente é bom saber que os órgão públicos estão de olho na internet, pesquisando e, provavelmente, pensando em medidas a serem tomadas rumo à proteção das pessoas e à realização dos direitos. Por outro lado, não seria exposição demais a PF se deixar perceber assim? É claro que esta exposição pode servir com inibição a violações contra direitos, mas pode servir também como uma dica dada de bandeja, como se dizendo: “estamos te vendo”. A pessoa que estiver decidida a violar e continuar violando direitos, certamente procurará despistar esses espectadores.

Pensando de outra forma, talvez a exposição seja controlada, como uma tática. Ocorre que não conhecemos bem as políticas de investigação e combate aos crimes cibernéticos adotadas pelo Brasil. Talvez a exposição seja intencional. Neste caso, se foi planejada como parte de alguma tática legítima de combate ao crime, então esperemos que funcione de alguma forma. Com isso, quero apenas frisar que a sociedade clama por atitudes racionais do poder público. Ninguém quer ações ad hoc improvisadas como cara de xenobajulação.

Outra coisa que eu gostaria de frisar aqui é a importância das postagens coletivas. Os blogs são a nossa voz. A própria Luma disse isso, que seu blog é sua voz no mundo. E é assim mesmo. Os blogs aproximam pessoas e as postagens coletivas (ou blogagens coletivas) juntam pessoas que desejam falar sobre determinado tema, proporcionando um conjunto enorme de opiniões e debates. Talvez possa demorar um pouco, mas os blogs ainda serão considerados como instrumento oficial de participação política da população brasileira. Haverá, daqui uns 20 ou 30 anos, uma valorização imensa da blogosfera pelo poder público. Hoje as coisas já caminham nesse sentido… imaginem que os governantes, ministros, juizes, parlamentares etc., podem saber o que muitos de nós pensamos, bastando acessar nossos blogs. E o mais interessante de tudo é que os blogs, incluindo as postagens coletivas, são livres. Para ter um blog, ninguém precisa fazer parte de nenhum órgão ou ONG, ou partido ou ideologia.

……….

Forense Contemporâneo no Facebook Debate: o combate à pedofilia pode ser debatido no grupo Forense Contemporâneo no Facebook (ver tópico Ações contra a pedofilia).

GD Star Rating
loading...
SHARE
Previous articleSMP: Novas regras na telefonia celular
Next articleBerlim: Tropa de Elite leva o Urso de Ouro (2008)
Gustavo D'Andrea é advogado especializado em Direito Digital, mestre em Ciências (Psicologia) pela FFCLRP-USP e doutor em Ciências (Enfermagem Psiquiátrica) pela EERP-USP. Mantém o blog Forense Contemporâneo desde 2005 e criou a Forensepédia.

8 COMMENTS

  1. Ei Gustavo,
    sobre pedofilia em novas mídias, o assunto foi tratado em uma sessão do Mobile World Congress, que aconteceu em Barcelona essa semana. A discussão lá era de ações contra a pedofilia em celular. Achhei ótimo colocarem o tema na pauta do congresso. Comentei sobre o congresso no meu blog.

    Inclusive, depois confere o último post: Direito e web 2.0: qual será o futuro do advogado?

    Abraço!

    GD Star Rating
    loading...
  2. Gustavo, também sou advogado e eu daria uma sugestão para adequar a legislação à forma com que esse crime se desenvolve.

    O prazo prescricional deveria ser aumentado, para que diminuam os casos como o da nadadora brasileira, que recentemente informou do crime, mas não poderá ver o autor julgado por conta da passagem do tempo.

    GD Star Rating
    loading...
  3. Oi Gustavo!!
    Eu passei um link para a Samantha do “A vida como a vida quer”, por ocasião da entrevista citada acima, http://tinyurl.com/28k3o2, uma tradução da Paula Góes do Global Voice Advocacy, que fala do porque de se blogar por uma causa e como deveria ser o comportamento dos blogues quando participam de campanhas. Vale conferir!!
    Obrigada por participar!

    GD Star Rating
    loading...
  4. Hello everybody, my name is Damion, and I’m glad to join your conmunity,
    and wish to assit as far as possible.

    GD Star Rating
    loading...

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here