#maisconsciência: 11 anos do blog Forense Contemporâneo

0
💡

números 1

Neste dia 24 de maio de 2016, o blog Forense Contemporâneo faz onze anos!

É algo impressionante a sensação de ver que tanto tempo passou e, por mais textos que eu tenha publicado aqui, tão pouco ainda foi feito. Quantos assuntos há para apresentar e debater! São, realmente, muitos temas jurídicos, políticos e sociais para abordar neste espaço que, a bem da verdade, é sustentado pela crescente busca dos leitores em saber mais e viver melhor.

Aterrador é o momento político que o Brasil vive neste momento. Presenciamos as decisões políticas sendo tomadas com base em conjuntos ideológicos incompreensíveis, de modo que a população em geral acaba tendo dificuldade de ter clareza sobre o que está acontecendo. O movimento contínuo de opiniões individuais e grupais sobre política, nas redes sociais, segue a mesma linha de incompreensibilidade. Chegamos ao ponto de ver pessoas pautando suas tendência não a favor de quem seja ou pareça honesto, mas em direção a quem seja menos desonesto, como se, necessariamente, a política dependesse da corrupção — daí escolher-se o que “rouba menos”.

Eis, para mim, o sentido da “crise”. Uma simples viagem rodoviária por vinte ou trinta quilômetros, no interior de São Paulo, exibe porções grandiosas de terra fértil. Se, por curiosidade, acessarmos a visão de satélite de um recurso como o Google Maps, veremos que o verde se estende infindavelmente para além das margens das estradas. Olhando para isso e tentando captar a ideia do tamanho do Brasil, torna-se totalmente ilógica a existência de pobreza, doença e fome neste País.

O único “sucesso” que os poderosos obtiveram, ao meu ver, foi colocar a sociedade brasileira em conflito consigo mesma (o que, na verdade, nada tem de sucesso). Se pudermos nos conscientizar disso, será um grande passo rumo a um futuro melhor. É natural que cada pessoa tenha suas opiniões e tendências políticas, mas é preciso, fundamentalmente, estudarmos mais para que possamos ter uma compreensão mais ampla da realidade. Não basta abraçar uma linha política como se escolhe a preferência por uma determinada cor. Podemos nos entreter, discutindo ludicamente sobre qual cor é a mais bonita, o escarlate ou o púrpura. Mas, não dá para ser lúdico em política.

O Brasil é um país de enorme riqueza de todos os tipos. E será assim por muito, muito tempo. Precisamos melhorar nosso desempenho no cuidar. Para que o Brasil floresça em direitos, em justiça, em igualdade, em respeito, é necessário que exercitemos o máximo possível o cultivo das nossas riquezas, para usufruto de quem aqui se encontra.

A expressão-chave principal desta comemoração dos onze anos do blog Forense Contemporâneo é “mais consciência”. E mais consciência se alcança por uma observação crítica da realidade e pela busca de mais conhecimento e reflexão para compreender as coisas e buscar soluções melhores.

Meu agradecimento especial a todos os leitoras e leitoras que passam por aqui e engrandecem com sua visita, atenção e opinião este singelo blog de opinião jurídica.

Obrigado!