O Diário Quimérico de Tinla Zhao – Parte 2

0
💡

“Nesta enorme mesa de madeira das mais nobres, apenas um lap top fino, alguns papéis cheios de desenhos e uma caneca com o mais calmante chá que poderia vir da França. Estou sozinho, olhando o vapor do chá subir lentamente e se dissipar pelo ar mais frio da sala. A madrugada avança, e não tenho a menor vontade de ir para casa.

“Estou pasmo. Aquela frase que ouvi… não acredito que a ouvi…”

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here