Uma coluna centrada em Ribeirão Preto (Fatos Ribeirão-Pretanos #1)

GD Star Rating
loading...

Acesse a lista completa de publicações da coluna “Fatos Ribeirão-Pretanos”: http://gustavodandrea.com/2014/09/25/fatos-ribeirao-pretanos-lista-de-posts

———-

Fatos Ribeirão-Pretanos, número um. Aqui inauguro a minha coluna semanal dedicada inteiramente a fatos (e, quem sabe, quimeras) focalizados em Ribeirão Preto, esta cidade do interior paulista, onde vivo e sobrevivo. É uma coisa que sinto necessidade de fazer, e vou falar um pouco sobre as origens desta ideia e o que espero desta experiência.

fatos_ribeiraopretanos_1

Dizendo “na lata”: as tradições de Ribeirão Preto estão minguando, a cidade está morrendo. Temos aqui, na cidade, uma série de coisas boas que não recebem a devida valorização. E, infelizmente, o discurso padrão que tenho ouvido ao longo de anos é algo parecido com isto: “Pois é… fazer o quê? Não tem jeito, é assim…”

Não, não é assim não. Mas, não adianta muito ficar esperando, aspirando que alguém faça alguma coisa. A comunidade ou se organiza e faz a cidade, ou deixa que o “mercado” tome conta. No meu caso, o melhor que posso fazer é escrever. Então estive pensando em fazer alguma coisa neste sentido, e a vontade era a de fazer um blog todo dedicado a Ribeirão Preto.

Não veio um blog, mas nos últimos meses tive algumas experiências importantes que me ajudaram a formar essa outra ideia, a de uma coluna dentro do blog Forense Contemporâneo. O principal gatilho para essa coluna foi a percepção, in loco, de como se busca, na Europa, a preservação do patrimônio material e imaterial da civilização. Foi uma inspiração. Não dá para tentar copiar sem analisar, claro.

Manter uma coluna dá algumas liberdades. Tendo um sentido de continuidade, não preciso falar demais de uma vez, nem abranger muitas coisas diferentes num texto só. Não precisa ser um livro pronto, nem um artigo todo elaborado logo de início. São anotações, percepções que vão sendo colocadas. Além disso, por ter continuidade, a coluna vai agregando robustez, sendo melhor para o leitor porque não ficam textos isolados para garimpar.

Defini a extensão média da coluna em 600 palavras, podendo às vezes ser menor e outras vezes ser maior, conforme o caso. A temática central sendo Ribeirão Preto, os tópicos serão diversificados. Por alguns momentos, tendi a usar o termo crônicas, no título da coluna, mas os aspecto irônico da crônica, ao meu sentir, é muito marcante, e a ironia não é a minha intenção aqui. Então, simplifiquei com o termo fatos.

São duas as coisas principais que espero que aconteça ao longo das semanas e textos que virão. Primeiro, proporcionar ao habitante de Ribeirão Preto, ao Ribeirão-pretano que está fora e a quem quer que se interesse por Ribeirão Preto, uma leitura sobre a cidade, abordando algumas coisas que possam transmitir uma sensação de preciosidade do que temos por aqui, e uma noção mais profunda de intimidade em relação à cidade. Se mais gente presta atenção na cidade, e mais gente passa a nutrir um amor por Ribeirão Preto, os pensamentos convergem e o universo converge junto. E então passamos a cuidar mais e mais da nossa cidade. E evoluímos com isso.

Segundo, mas tão importante quanto o primeiro, espero uma boa relação entre conhecer e escrever sobre Ribeirão. A tarefa de escrever é um incentivo para conhecer mais. Então, vou ter que buscar assunto, o que me levará aumentar o meu conhecimento sobre a cidade e isso trará mais riqueza aos textos.

Um adendo: é muito provável que esta coluna desperte os ânimos de quem estava com vontade de escrever e não tinha muito incentivo. É bom que estes ânimos se despertem mesmo. Isto significa mais gente conhecendo, mais gente produzindo e mais gente cuidando de Ribeirão Preto.

E, claro: obrigado por ler esta coluna!

GD Star Rating
loading...
Uma coluna centrada em Ribeirão Preto (Fatos Ribeirão-Pretanos #1), 8.7 out of 10 based on 3 ratings

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *